Apresentação

Este é um Blog voltado á discussão das novas configurações da vida profissional e empreendedorismo. Muitas situações da vida em espaços confinados são conflitantes, e isto deixa as pessoas sem saber o que fazer. Afinal, sempre estamos presos em algum lugar e, dentro da topografia dos mercados e da (falta de) lógica das economias, acabamos perdendo um pouco de nossa humanidade.

Hoje somos menos que humanos, quer dizer: somos tidos como  consumidores, cidadãos e contribuintes, sujeitos à diversas regulamentações e sendo julgados a todo momento por métricas, números e muitas vezes por  pessoas confusas que pretendem nos liderar. Não bastasse isso, ainda temos que lidar com uma monumental carga de informações e a todo momento, mostrar nossas competências. É duro, mas sempre gosto de pensar que existam possibilidades.

Os artigos postados aqui refletem a minha percepção das estruturas corporativas e buscam oferecer saídas e reflexões oportunas para o desenvolvimento profissional e a melhoria da cultura e sistemáticas das organizações, esta forma moderna de vida em sociedade. Se conseguirmos estabelecer uma ponte entre as necessidades organizacionais e pessoais, existe uma razão para acreditar num futuro melhor.

Para acessar os textos, visite a página inicial de Artigos e Crônicas.

Boa Leitura!

Prof. Luís Sérgio Lico

9 respostas para Apresentação

  1. Desidério disse:

    Grande amigo e mestre,

    Sucessos e conte comigo.

  2. Grande Lico,

    Parabéns pela iniciativa.
    Sucesso para você.

    Abraços.

    Bizzetto

  3. marco aurelio bassi disse:

    Valeu, companheiro sucesso.
    (O único lugar onde o sucesso vem antes do trabalho é no dicionário.)

  4. Jose Eduardo Betta disse:

    Grato Prof. pelas dicas profissionais, muito úteis

  5. Saudações querido (apesar de distante) amigo!
    Fiquei muito contente ao ser comunicado, nesta manhã, sobre a existência deste blog. Eu já conhecia a Home da Consultive Labs mas infelizmente a correria cotidiana me impedia de acompanhá-la. Fiquei impressionado ao ver postagens diárias neste blog e, não obstante o volume, nenhum déficit de qualidade entre eles. Disse isto para notificá-lo que gostei de todos os temas abordados, sem exceção, de modo que você conseguiu manter sua posição dentre as pessoas mais brilhantes que conheci em vida.
    MEUS PARABÉNS E MUITO SUCESSO!!!

  6. Obrigado por resumindo-o tão bem. Acho que vou estar voltando aqui muitas vezes . Atenciosamente .

  7. Ernie Heagany disse:

    Very excellent write-up. I really found your own webpage as well as needed in order to say which I have really loved browsing your own web page as well as posts. Nevertheless I’ll end up being checking your own give food to as well as We intend in order to look over your own web page for a second time.

  8. Emmitt Selle disse:

    That is nice to definitely find a site where the blogger knows what they are talking about.

  9. Adriana Volejnik disse:

    Muito obrigada por nos levar a observar a nós mesmos e refletir….
    Resiliência? Aceitação de nossos limites? Medo de errar…
    É difícil termos e aceitarmos, diante de tantas cobranças impostas por nós mesmos, escravos de nossos desejos e, inclusive, pelo nosso orgulho.
    Diante de tantas falhas que cometemos, a falha funcional e a psicológica estariam numa esfera íntima, diferentemente das demais?
    Não é verdade que somente o essencial e oportuno revelamos sobre nós mesmos ao mundo exterior, justamente pelas cobranças e exigências das tribos nas quais, às vezes, fazemos questão de pertencer por puro capricho?
    Tomo a liberdade (ou ousadia) de registrar que não pude afastar do pensamento, ao longo da proveitosa leitura, que todos estamos ficando “velhos” e agradeço por “traduzir” e nos alertar sobre as angústias que nos acompanham, diante da velocidade das transformações tecnológicas e do vazio observado em alguns seres que acham que acompanham algo desconhecendo, por opção ou pura falta de oportunidade, a história e a filosofia. .
    Entendo que buscar reformar nossa condição de falhar funcionalmente e psicologicamente, depende de nosso “despertar de interesses” para realizarmos, com motivação e perfeição as nossas tarefas. Alimentar nosso psicológico com a realização de um trabalho bem feito, por mais simples que este se apresente à nossa tribo, é o grande caminho de consolidar nosso aprendizado e nossa motivação constante.
    Me perdoe se falei demais…Mais uma vez, muito obrigada!
    Adriana

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s